segunda-feira, 18 de agosto de 2014

VEREADOR DE GLÓRIA DEMONSTRA PREOCUPAÇÃO COM USO EXCESSIVO DE DIÁRIAS NO PODER LEGISLATIVO.


Na manhã da última terça-feira (12) aconteceu mais uma sessão ordinária da câmara municipal de Glória - CMG.

O presidente da casa legislativa com cara de poucos amigos, autorizou a leitura da ata, da polêmica reunião anterior que contou com a presença marcante da APLB - Sindicato e o reforço da categoria unida em prol da abertura do dialogo para tentar, por fim, ao impasse que gira entorno do repasse, legal de 8,32% de reajuste salarial para os/ as profissionais da educação.

Em breve, a base governista deverá sofrer mais uma baixa a exemplo já da saída de Carlinhos do Brejo e a oposição poderá assim, receber outro reforço.

O vereador Paulo Gomes saiu na defesa do governo e disse, o adversário de hoje, poder ser o aliado de amanhã. Já o vereador Dorgival não esconde a insatisfação com o governo, mais diz ter uma dívida de gratidão com os Negromontes, e que justamente por conta do mal desempenho do governo municipal, os candidatos a deputados da base aliada terão fraco resultado nas urnas.

O novo reforço da oposição, vereador Carlinhos do Brejo desabafou e atribui sua saída ao não apoio, sequer o governo teve a preocupação de atender meus requerimentos e de quebra ainda usam a chibata para perseguir politicamente meus amigos.

Vereador Alex Almeida inicia afirmando que nunca fez parte do PULA-PULA (PP) e que portanto se sente super tranquilo em buscar colaborar com proposições para o bom andamento do município, embora que a gestão não parece entender desta forma.

Acrescenta ainda que a nova empresa responsável pelo serviço de coleta do lixo, não conseguiu se organizar e os horários e dias estão irregulares, solicita providencias imediatas. Vereados Marcelo Gomes deixa claro sua preocupação com o abandono das estradas vicinais do município.

O governo não ver, nem ouve os problemas. Por fim, o vereador Valério José cobra do governo resposta quanto a comissão dos professores, formada para dialogar e tentar sanar o quanto antes a questão do reajuste.

A gestão chora de barriga cheia, pois em visita ao Tribunal de Contas pude observar que o "show de diárias" é fato, superando a casa dos R$ 60 mil reais em maio.

O curioso é que aprovamos nesta casa um projeto de lei que as diárias devem ser justificadas e com a devida comprovação da participação nos referidos eventos.

As informações são de Geraldo Alves.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...