quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Suspeito de receber propina de doleiro preso na operação lava jato, senador Collor será denunciado pelo Ministério Público.


O Ministério Público deve denunciar o ex-presidente da República e senador Fernando Collor (PTB), em fevereiro.

De acordo com o jornal Folha de São Paulo, em 2014, policiais federais encontraram no escritório do doleiro Alberto Youssef, em São Paulo, oito comprovantes de depósitos para o senador, que somam R$ 50 mil.

Os depósitos foram feitos em dinheiro vivo nos dias 2 e 3 de maios de 2013. Ainda segundo a Folha, as autoridades consideram ter “elementos suficientes” para denunciar Collor.

 Em maio de 2014, o ex-presidente negou que conhecesse ou mantivesse algum “relacionamento pessoal ou político” com o doleiro. Mas não explicou a origem dos comprovantes de depósitos em sua conta.

 Outros políticos são suspeitos de envolvimento com Youssef. Dentre eles, o deputado baiano Luiz Argôlo (SDD) e o ex-deputado André Vargas (sem partido).

Fonte: Bocão News.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...