sábado, 6 de junho de 2015

CORRUPÇÃO: Ex-prefeita de Piranhas-AL é acusada de chefiar quadrilha criminosa que desviou R$ 16 milhões de reais dos cofres públicos do Município.

 Ex-Prefeita responde a quase 500 acusações de corrupção.

As 483 acusações de corrupção contra a ex-prefeita de Piranhas e atual secretária de Cultura do Estado de Alagoas, Mellina Freitas, foram destaque do telejornal SBT Brasil, apresentado pelos jornalistas Carlos Nascimento e Rachel Sheherazade, na noite desta quarta-feira (3).

A filha do desembargador Washington Luiz, presidente do Tribunal de Justiça do Estado (TJ/AL), é acusada de chefiar uma quadrilha que fraudou cerca de 20 licitações públicas. Uma investigação do Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas (Gecoc) do Ministério Público Estadual (MPE/AL) descobriu que enquanto esteve à frente do Executivo, de 2008 a 2012, a ex-prefeita desviou cerca de R$ 16 milhões da prefeitura.

A reportagem da repórter Juliana Maciel, exibida em rede nacional, explica com detalhes a maneira como Mellina Freitas teria agido no comando da quadrilha e como ela fez para não ser presa, como aconteceu com outros acusados de integrar o grupo criminoso.

Fonte: Rota do sertão.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...